Ana Adelaide Peixoto - Giovanna Soalheiro Pinheiro - Glória Maria Oliveira Gama - Maria das Vitórias de Lima Rocha - Sônia Lúcia Ramalho de Farias - Sônia van Dijck - Mapa do site
.

SÔNIA van DIJCK

Este é um espaço dedicado à Literatura

O FEMININO e o MASCULINO na Literatura

Poemas de Telê Ancona Lopez

 

Abrir asas devagar

se assim se pode

sítios distantes

silos. O verde que estende

o mar me prende

sonho quase sem dor

silêncio e súmula

espera.

Telê Ancona Lopez

 

Francisca

Sede

como os lírios do céu

e as aves do campo.

Sede silêncio

sem sílabas.

Sede apenas

seio

sem título.

© Copyright by Telê Ancona Lopez, 2006

Foto: Marcelo

Midi: "Eu te amo e amarei" - modinha (Domínio público)

LEI Nº 9.610, DE 19 DE FEVEREIRO DE 1998

Artigos
Contos
Entrevistas
Opiniões
Pesquisa
Poemas
HOME